noticias994 Seja bem vindo ao nosso site Jornal O Litoral!

Esporte

Messi faz golaço, perde pênalti, e Barcelona não consegue milagre contra o PSG

Em potencial despedida do craque argentino pelo Barça, Mbappé marca mais uma vez no confronto, enquanto Navas e Marquinhos têm atuações de gala no empate em Paris

Publicada em 10/03/21 às 20:48h - 23 visualizações

GE


Compartilhe
Compartilhar a notícia Messi faz golaço, perde pênalti, e Barcelona não consegue milagre contra o PSG  Compartilhar a notícia Messi faz golaço, perde pênalti, e Barcelona não consegue milagre contra o PSG  Compartilhar a notícia Messi faz golaço, perde pênalti, e Barcelona não consegue milagre contra o PSG

Link da Notícia:

Messi faz golaço, perde pênalti, e Barcelona não consegue milagre contra o PSG
 (Foto: GE)

Resumão

Desta vez não houve remontada. O Barcelona até se deu o direito de sonhar, mas o pênalti perdido por Messi no fim do primeiro tempo, pouco depois de anotar um golaço, congelou qualquer reação. No fim das contas, o Barça merecia ter vencido o jogo, mas não a eliminatória: o PSG segurou o empate por 1 a 1 nesta quarta-feira, no Parque dos Príncipes, e a vaga nas quartas de final da Liga dos Campeões com o 5 a 2 no placar agregado. Mbappé, nome da ida há três semanas com três gols, voltou a deixar o dele, de pênalti.

O HOMEM DO JOGO

O costarriquenho Keylor Navas agigantou-se e evitou que o Barcelona crescesse no confronto. Fez, ao todo, nove defesas, uma delas no pênalti de Messi nos acréscimos do primeiro tempo. E só não defendeu o chutaço do craque argentino porque a bola fez uma curva para fora e morreu no ângulo. A verdade é que o PSG poderia tranquilamente ter ido para o intervalo perdendo por 3 a 1 - e com o psicológico abalado. Navas salvou.

O OUTRO HERÓI

Aos 15 minutos do segundo tempo, o Barcelona teve mais uma grande oportunidade. Alba encontrou Messi quase na pequena área, mas Marquinhos se atirou de carrinho e conseguiu o corte no momento do chute do camisa 10. Àquela altura a eliminatória ainda poderia ser diferente. Fora isso, o zagueiro brasileiro dominou sua área com muitos desarmes e interceptações.

ANOTA AÍ MAIS UM

Mbappé não foi destaque como na ida, mas importunou a defesa do Barcelona no primeiro tempo. Não à toa Koeman precisou sacar Mingueza, que já tinha um amarelo, por conta das arrancadas do francês. Ele marcou o seu sexto gol na Champions em pênalti sofrido por Icardi (que o VAR acusou). Na etapa final, diminuiu bastante o ritmo e só apareceu nos minutos finais, ao desperdiçar chance em contra-ataque.

ELE TENTOU, MAS...

Messi fez um grande primeiro tempo. Queria jogo, desarmou, criou, chutou. Fez um golaço em chute de longe aos 37 minutos. Mas aí veio o pênalti, a cobrança no canto direito de Navas, que fez a defesa com o joelho, a bola subindo e batendo no travessão... Na etapa final o Barcelona pareceu cansar e já não teve forças para pressionar, apesar de uma ou outra oportunidade. Se for despedida com a camisa do Barcelona na Champions terá sido melancólica, pela eliminação nas oitavas de final, mas com uma atuação digna.

FIM DE UMA ERA?

Pela primeira vez desde a temporada 2004/05, Messi e Cristiano Ronaldo foram eliminados juntos antes das quartas de final da Liga dos Campeões (em 2005/06 o Barcelona foi campeão, mas o argentino esteve lesionado no resto da campanha).

 




ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário


Insira os caracteres no campo abaixo:








Nosso Whatsapp

 (84)99482-9967

Visitas: 161642
Usuários Online: 7
Copyright (c) 2023 - Jornal O Litoral - Sistema Litoral de Comunicação